domingo, 3 de janeiro de 2016

NOVO LAÇO


Mensure o meu nome,
em tuas orações.
Recordando,
pelo menos uma vez,
de uma doce lembrança.

O universo bendirá o teu coração.
E, tuas mãos, unidas,
serão testemunhas
das boas intenções.

Não terão mensagens...
Nem o calor do abraço!
Só energia do cosmo
E, o feito de um novo laço.

Numa esquina...
No barco qualquer...
Na mesa de um bar.
Ou de onde vier.

No banco da praça!
No entardecer de um cais
No voo da garça.
Ou pelas Minas Gerais.

O teu espelho,
será o meu eu.
Teu silêncio,
o meu barulho.
Tua amizade,
um porto.
E, tua recordação,
mais um encontro!

Crisjoli Fingal

sábado, 2 de janeiro de 2016


O que restou não foi de ninguém
Nem espinhos e galhos cedidos
O perfume partiu com alguém
Levando consigo sonhos perdidos.
Com o tempo, se foi o botão...
Cedendo lugar à beleza da flor
As pétalas adormeceram ao chão
Sem lembranças da declaração de amor.

Crisjoli Fingal

Cora Coralina

Loading...