sábado, 29 de dezembro de 2012

FELIZ 2013



Trabalhamos com o tempo, driblando seus segundos para bem vivê-lo. Uns consegue dominar as tardes sombrias e entram na noite com a certeza de que a lua brilhará com intensidade, no tempo da cheia, ou que, as estrelas farão um belo espetáculo de luzes guiando seus sonhos. Outros, cansados, adormecem logo, pois no outro dia serão acordados com aurora dos raios do sol. Logo, eles dão bom dia e tudo se insere na ótica do natural.

Assim, correm os dias e os sonhos... Com a expectativa de tecer seus sonhos, muitos vencem... Conquistam na palma das mãos seus objetivos e, para o vindouro amanhã, caminham sonhando...

Fecha-se o ciclo de um tempo cronológico - vai-se 2012. Bom para muitos! Para outros, marcas desagradáveis. Mas, a nós se deu o privilégio de brindar mais um ano: 2013.

Desejo a todos os amigos, àqueles que também não o são. Os de perto, os de longe, os de hoje, os de ontem. Aqueles de décadas, aqueles de um ano, aqueles de um dia e, sobretudo, os de sempre um abençoado ano com sonhos, sucesso, paz e saúde e, que possamos ser felizes e partilharmos as coisas boas que virão. Feliz Ano de 2013.

Abraços de Cristiano Oliveira 

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

ESTRELA GUIA


Já se pode ver a estrela guia 
Brilhando nos céus sua esplêndida Luz
Anunciando para nós a grande alegria
Pois na Terra já se encontra Jesus. 

Cantemos Glória a Deus e paz na Terra

Como entoado pelos anjos em Belém
E nós, aqui unidos, em uma só espera
Façamos do coração uma manjedoura também.


Crisjoli Fingal 

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

VOLTEI


Voltei
Não sei quanto tempo vou ficar
Estou aqui na janela do velho quarto.
Voltei para dar abraços
Pra cuidar dos meus traços.
Voltei para abafar a saudade
E lembrar daquilo que nos marcou
Voltei não pra ficar.
Voltei pela recordação do que foi bom
Voltei pelo cheiro
Pelas marcas que não se apagaram
Aqui estou!
Não sei por quanto tempo!
Em breve partirei...
Ainda não sei o destino
Mas partirei antes do pôr do sol
Caminharei seguindo as estrelas
E a constelação de peixes
Deixo que o céu trace
O caminho do novo.
Voltei pra fazer festa
Celebrar a virada
E partilhar os presentes.
Voltei para cantar com as luzes
E me despedir novamente...

Crisjoli Fingal

Cora Coralina

Loading...