segunda-feira, 26 de março de 2012

MADEIRO DO AMOR



No teu madeiro abrigaste minhas misérias
Tornando-se o mais humano de todos os homens
Sacrifício universal de amor!

Neste sagrado madeiro, ó Senhor!
Dividiste o mundo em dois tempos
Que somente o Teu Nome tem tal poder.
Tu és ó Cristo, verdadeiro amor do céu.

Peregrinaste no meio de nós
Sendo Deus de Amor e Misericórdia.
Quando me falta vida,
Olho para o teu Madeiro e
Pergunto-me: O que és tu, ó morte?

Vejo que minha pequenez
Foi consumida pelas gotas do Teu Sangue.
Inclino o meu olhar diante do teu madeiro.
Contemplo a linha do tempo...
Vazia, ficam minhas palavras
Mudo, o meu coração.

Jesus, teu madeiro é prova universal de Amor!

Crisjoli Fingal

Cora Coralina

Loading...