terça-feira, 31 de março de 2015

TALVEZ


Talvez a chama do fogo, não tenha sido feita somente para o pavio.
Talvez a força do vento, não conduza sozinha a vela do navio.
Talvez se sinta a ausência da gota, só quando o copo estiver vazio.
Talvez aquilo que tanto se gosta, não seja algo tão sadio.
Talvez a margem fique mais segura, na próxima curva do rio. 
Talvez se valorize mais a vida, quando se perde a ponta do fio.
Talvez tudo fique tão insignificante, quando não tiver mais desafio.

Crisjoli Fingal

Nenhum comentário:

Cora Coralina

Loading...